Análise de Jogo

Análise: Uma quinta-feira para esquecer

Photo by Steven Ryan/Getty Images

Fala galera do Giants Brasil! Beleza? Não, não está beleza. Aliás, está horrível. Chegamos na incrível marca de 1-5 em 2018, ou se preferirem, 4-18 desde o ano passado. O pior de tudo nesta situação é ver os jogadores brigando e expressando opiniões publicamente!

Apoie o Giants Brasil e tenha benefícios exclusivos! Clique aqui e confira.

Clique aqui, use o cupom GIANTSBR e compre seus produtos com 10% de desconto!

O chute inicial foi dos Eagles, retorno com os Giants e Davis por muito pouco não sofre um Fumble. Passe do Eli, interceptação (ok, foi sorte dos Eagles também). Então, com exatos 1 minuto e 45 segundos, TD para os Eagles. Caros leitores, minha análise do péssimo jogo de ontem termina aqui, já que o jogo inteiro seguiu este roteiro de terror. O parágrafo seguinte irá mostrar o tamanho da surra que levamos e depois um pequeno desabafo sobre a temporada.

Carson Wentz teve 26 passes completos em 36 tentativas enquanto Eli Manning completou 24 passes em 43 tentados e ainda teve 1 interceptação. Em corridas nosso time foi infinitamente superior somente com Barkley, que correu para 130 jardas em 13 tentativas enquanto o time inteiro dos Eagles correu 108 jardas em 31 tentativas. Nosso ataque marcou 1 TD enquanto os Eagles marcaram 4. Empatamos em número de FG com 2 para cada lado. First Downs tivemos 17 contra 23 dos Eagles, sendo que 3 FD deles foram por culpa nossa: leia-se FALTAS! O jogador com mais recepções e maior número de jardas após a recepção neste jogo foi… BARKLEY COM 9 RECEPÇÕES E 99 JARDAS! Vejam que mesmo com Barkley ajudando os Giants com 2 campos e mais 29 jardas (229 jardas totais) nós só marcamos 1 único TD.

  • Bem, agora vamos ao que interessa:

Twitter, Facebook, Instagram, Whatsapp, rodas de bar, etc… A discussão sobre o responsável pelo péssimo ano se polariza entre Eli GOAT Manning e Offensive Line. Senhoras e senhores, desculpem-me, mas, para mim o culpado chama-se Mike Shula e todo o resto da coordenação ofensiva do time azul de Nova Iorque. Rotas curtas, rotas manjadas, nenhuma grande jogada de passe, só o Barkley correndo. Leitores, fora o passe do Odell para o próprio Barkley contra o Panthers, qual outra grande jogada tivemos em 2018? São 6 jogos já! Todas as jogadas da defesa adversária são iguais: 4 jogadores contra nossa OL e mais 7 marcando praticamente na linha de First Down.

Os adversários sabem que se não conseguirem o Sack no Eli, o passe será vergonhosamente curto. Todas as poucas jogadas que tivemos em profundidade, complicaram a defesa adversária! Vale lembrar do Odell contra os Jaguars e de Barkley contra os Panthers (já citada). É nítido que os adversários sabem que os passes do Giants serão curtos, não há variação de jogada. Nós mesmos limitamos nossa área de jogo e não, não é só culpa do Eli/OL que têm pouco tempo para armar uma jogada. A culpa maior é do coordenador que não dá opções para os jogadores. Não posso crucificar Eli ou Solder por causa do pouco tem pós snap.

Se eu tiver 2 segundos e uma opção de passe em profundidade, será que o ataque não irá evoluir? Senhoras e senhores, lembrem-se que eu estou falando de seres humanos que correm 40 jardas em 4,5 segundos! Então se eu tenho 2 segundos para lançar, este cara consegue correr pelo menos 11 jardas e ser a opção para o First Down! Claro que não é simples e nem sempre vamos conseguir esta jogada, mas nem ao menos tentar é demais!

Desculpem o desabafo, mas acho que precisamos sim arriscar mais, aí sim se não der certo, procurar jogadores culpados pela má fase. Por enquanto, somos um catado de 52 jogadores + SAQUON MITO BARKLEY (que infelizmente joga e doutrina sozinho).

E vocês, caros leitores, o que acharam do jogo contra os Eagles? Não esqueçam de nos seguir nas redes sociais!

Shares